terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Do que acontece ao acaso...







Meu coração é mudo 
E minha razão é surda...
Não se entendem,
Cada um faz o que quer.

Eu?! Eu respiro.
Basta.




*Escrito "sem querer" em um comentário no Facebook... 

6 comentários:

é só um rascunho disse...

Tá inspirada, né?

Chorik disse...

Não sabia que aqui as coisas eram de segunda mão. kkkkkkkkkkk

Lidi disse...

Muito bom, Luli. Gostei. Bjsr

- Luli Facciolla - disse...

Beló: Nem tanto... Foi sem querer...

Chorik: Faz parte! rsrsrs

Lidi: Obrigada!!!

Beijos

Chorik disse...

rsrsrsrsrsrs duplo twist carpado!

Monkita disse...

do sem querer, do acaso, daquilo que nem se imagina, nascem as coisas que, nem imaginamos, nos pegam de surpresa, fazem o lábio rasgar num sorriso...e ficam pra sempre! Adoro quando vc escreve! bjo